INSTANTES

Por Rhosana Dalle | 10/28/2010 04:20:00 PM em |

2º Lugar VARAL DE POESIAS Maringá - 600 inscritos Brasil e exterior.

INSTANTES Rhosana Dalle

Um toque na corda,
Um som,
Um assopro e apaga a vela,
Uma essência de um perfume,
Um brinde,
Um susto:

Tudo dura um instante...

Um lampejo de memória,
Um relâmpago no horizonte,
Um beijo roubado,
Uma idéia do nada:

Tudo dura um instante...

Um abrir e fechar de olhos,
Uma estrela cadente,
Um puxão na linha que amarrava o dente,
Uma palma de uma salva,
Um tiro de uma rajada:

Tudo dura um instante...

Um estalar de dedos,
Um momento de prazer,
Uma pose de foto,
Um flash,
Um milésimo,
Um centésimo,
Um décimo:

Tudo dura um instante;
E um instante dura nada,
Mas de instantes faz-se tudo...


Pindamonhangaba, Setembro 2010.






1 comentários:

  1. mural do ajosan on 30 de outubro de 2010 22:16

    Lindo poema, e parabéns pelo 2o lugar, Rhosana; abraços.

     


O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Feeds RSS

Receba as novidades do Vale em Versos em seu e-mail

Livros do Vale

Apoiamos

Adicione

Arquivos